Instagram

Moda

5 truques que a vão deixar mais elegante

Vestir bem e com elegância não significa, necessariamente, que tenhamos que gastar muito dinheiro ou que andemos, constantemente, a comprar coisas novas. Por vezes, podemos melhorar a nossa aparência com aquilo que temos, seguindo algumas regras básicas. No fundo, trata-se de saber disfarçar as nossas imperfeições e realçar os nossos melhores atributos. Ao fim de tantos anos a ser vestida por alguns dos melhores estilistas e especialistas em styling, já consigo ter uma noção muito clara do que me favorece ou não. Mas, para quem não tem uma profissão como a minha, há algumas regras que se aplicam a todas nós e que podemos seguir. Ei-las: 

Evite usar roupa larga em cima e em baixo
Se usar um camisolão largo e comprido, evite as calças largas ou de pinças. Assim como saias com roda ou plissadas. Talvez resulte numa modelo, mas não se esqueça de que as manequins são muito magras e medem, pelo menos, 1,75m. Nós, comuns mortais, não ficamos nada favorecidas. Assim, use esse camisolão com uns jeans justos ou de corte direito.

Abuse da camisa fluida.
Tão versátil e fica bem a toda a gente. Pode usar com uma saia pencil ou com umas calças pretas para um look mais formal; com jeans para uma ocasião mais descontraída. Tem a opção de usar por dentro e por fora. Pode combinar com um casaco de malha ou com um blazer.

E por falar nele, saiba que o blazer favorece-nos a todas. Mas atenção ao comprimento. Tem de encontrar o comprimento certo para si. Se for muito baixa não deve usá-lo muito comprido pois vai encurtar-lhe as pernas e fazê-la parecer ainda mais baixa. Se for ‘cheinha’, também não pode ser muito curto, pois vai torná-la maior. Há que encontrar o corte certo. Normalmente, se for um comprimento intermédio não vai errar. O blazer é mais uma peça de extrema versatilidade que tanto dá para um look mais formal – se usado com uma saia ou calças mais clássicas – como para um look mais descontraído, com jeans, por exemplo. Se assim for, use-o com as mangas puxadas para cima.

A roupa interior é extremamente importante. Encontrar o sutiã certo é muito mais difícil do que parece, mas pode fazer toda a diferença. Não queremos o peito a saltar do sutiã, nem copas demasiado grandes. Essa peça interior é especialmente visível quando usamos t-shirtsou blusas de malha mais fina. Hoje já temos muitos modelos à nossa disposição, por isso não tenha problemas em experimentá-los até à exaustão. 
Sei que no verão é muito desconfortável, mas para quem já não tem 20 anos, o body faz toda a diferença. Especialmente quando temos uns quilinhos a mais. Também é importante que as peças interiores sejam nude para não aparecerem quando usamos roupa mais transparente.

E por último, nunca é demais frisar o habitual vestido preto. Se for um clássico, pelo joelho, vai alongar-nos a silhueta. Seja com um colar bonito ou com um lenço colorido, fica sempre bem. Podemos usá-lo num jantar ou numa festa, com saltos altos ou no dia a dia, com mocassins e até com ténis. Fica bem com um blazer,  com um biker e até com um blusão de ganga.

Espero que estas dicas lhe sejam úteis e que possam mostrar como, às vezes, não é preciso muito dinheiro para nos vestirmos bem e estarmos elegantes.

Fotografias Shutterstock

  • Reply
    AIDA CLARA MANSO
    24 de Setembro, 2019 at 14:49

    Adorei as dicas, tenho muito gosto em segui-la não conhecia o site mas vi-a na tv e tive curiosidade de imediato parabéns.

    • Reply
      Helena Isabel
      26 de Setembro, 2019 at 16:51

      Obrigada Aida. Espero continuar a despertar-lhe o interesse.

Leave a Reply